Movimento em defesa da vida apoiou mais de 400 crianças em risco

Nacional

Vaticano

Internacional

<!––> <!—->

Nacional

Portugal: Movimento Defesa da Vida distinguido pelo seu «projeto família»

Agência Ecclesia

15 de Dezembro de 2014, às 13:38

MDV
MDV

Só este ano a instituição particular de solidariedade social já apoiou mais de 400 crianças em risco

Lisboa, 15 dez 2014 (Ecclesia) – O Movimento Defesa da Vida (MDV), instituição particular de solidariedade social, foi distinguido pela Fundação Manuel António da Mota por causa do seu “projeto família”, direcionado para o apoio a famílias com crianças em risco.

Em entrevista à Agência ECCLESIA, a diretora do MDV, Graça Mira Delgado, destaca a importância que o prémio, no valor de 50 mil euros, vai ter para a continuação do trabalho que está a ser desenvolvido.

Só este ano, até outubro, o Movimento “acompanhou cerca de 400 crianças de mais de 150 famílias”, graças ao esforço de 18 técnicos um pouco por todo o país.

Profissionais especializados que trabalham “24 horas por dia, sete dias por semana, em casa das famílias, junto das suas comunidades, de modo a irem ao encontro das suas reais necessidades” e favorecerem “uma mudança” que permita aos mais novos “continuarem em suas casas, com os seus pais, em condições de segurança”.

A MDV acompanha agregados “das mais variadas classes sociais”, mas sobretudo “famílias mais carenciadas, de bairros sociais e afetadas pelos mais diversos problemas”.

Os técnicos podem ajudar mas “só as famílias é que podem desejar mudar e construir um novo modelo para si próprias”, frisa Graça Mira Delgado.

O “projeto família”, acrescenta aquela responsável, pretende marcar a diferença através de um acompanhamento permanente das pessoas, pois “as crises e os problemas nas famílias não surgem entre as 9h00 e as 17h00 no gabinete da assistente social, surgem quando a família está junta, quando se encontra, é aí que é preciso intervir”.

E com o apoio monetário concedido pela Fundação Manuel António da Mota, vai ser possível “apoiar mais famílias e mais crianças”.

Além disso, o galardão em si é um reconhecimento que permite dar também “a conhecer mais o MDV e o trabalho que ele desenvolve”, acrescenta Graça Mira Delgado.

A maior parte das sinalizações de famílias desestruturadas e de crianças em risco que o Movimento recebe são provenientes das comissões de proteção de crianças e jovens, dos tribunais e da Segurança Social.

No entanto, qualquer família pode procurar ajuda por si própria e qualquer pessoa, entidade ou instituição pode contribuir para essa sinalização.

O MDV desenvolve também ao longo do ano diversas ações de recolha de fundos, para poder prosseguir com o seu trabalho, sendo que a próxima ação de angariação de verbas vai ser lançada no princípio de 2015.

Fundada em 1977, esta instituição particular de solidariedade social abraçou como missão a defesa dos direitos humanos, a afirmação dos valores éticos e a dignidade da pessoa humana, em todas as suas dimensões.

JCP

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s